BOPE prende foragido de São Mateus do Sul

0

Homem foi preso em Curitiba com drogas e dinheiro

O Batalhão de Operações Policiais Especiais (BOPE) prendeu um foragido da delegacia de São Mateus do Sul em Curitiba, na sexta-feira, 26. O homem foi preso com drogas que iria vender e dinheiro, na Cidade Industrial de Curitiba (CIC).

Ele foi abordado pelos policiais durante patrulhamento, e se apresentou com um nome falso, Walace Kelvin Santos. Como o sistema não apresentava nada em seu desfavor, e nem foto do mesmo, ele foi liberado.

Porém, depois da abordagem, os policiais consultaram novamente o nome do rapaz no sistema Sesp Intranet, onde descobriram que ele era na verdade Wesley Carlos Ribeiro, conhecido como Berne, que possui dois mandados de prisão em seu vigor.

Os policiais realizaram patrulhamento pelo bairro CIC e localizaram um veículo Volkswagen Gol de cor vermelha, o qual ele havia dito ser de sua propriedade. A equipe desembarcou e solicitou entrada no local onde o veículo estava estacionado na frente, e foram atendidos por uma mulher, a qual franqueou a entrada dos policiais.

No momento em que entravam no local, os policiais perceberam que dois homens correram nos fundos da residência, alertando sobre a presença da equipe.

A equipe se dirigiu até o fundo da casa e abordou Carlos da Silva Pereira, e logou avistou Wesley no interior da residência, embalando diversos pacotes de cocaína, prontos para a venda.

Wesley tentou ludibriar os policiais novamente, apresentando a identidade do irmão. A equipe encontrou uma caixa tubular com dezesseis tabletes de maconha de diversos tamanhos, várias buchas de maconha, pacotes contendo cocaína e uma porção de crack, juntamente com uma balança de precisão. Além disso, foi encontrado objetos para fazer o corte e embalagem da droga e ainda um carregador de pistola e seis munições de diversos calibres.

Em cima do guarda-roupas, foi encontrada a quantia de R$3.500,00 em notas diversas, e ainda no tanque de lavar roupas, a quantia de R$ 630,00.

Ao serem indagados, Carlos da Silva Pereira assumiu a propriedade da maior quantia de drogas e Wesley assumiu a quantia de 435 gramas de cocaína, além das drogas que estava embalando, confirmando ter adquirido para revender.

Diante dos fatos, a equipe qualificou as pessoas na residência e deu voz de prisão aos dois suspeitos que foram encaminhados à Central de Flagrantes.

No momento em que Carlos recebeu voz de prisão, o mesmo ficou agressivo, sendo necessário contê-lo utilizando técnicas de imobilização.

A quantidade de drogas apreendidas totalizou 435 gramas de cocaína, 155 gramas de crack e R$ 4.130,00 em dinheiro.

Matéria Portal VVale

Leave A Reply

Your email address will not be published.